Osvaldo Cruz, Sábado, 19 de Janeiro de 2019

Sua Opinião?

Qual o maior desafio da nova administração?

publicado em: 24/07/2013 às 20h34:

Defesa Civil aponta prejuízo de R$ 50 mil após vendaval em Osvaldo Cruz

Não há famílias desabrigadas no município, segundo levantamento

Giuliano Panvéchio (MTb.: 46.291/SP) - Assessoria de Imprensa - Colaborou: Pedro Afonso (DRT: 46.135/SP)

Tamanho da letra A- A+

 
860454d02838105f5cb132edb94564a7.jpg

A Defesa Civil de Osvaldo Cruz divulgou na manhã desta terça-feira, 23, os primeiros dados do levantamento feito após o vendaval do último sábado, 20.

De acordo com a nota enviada, os bairros mais afetados pelas chuvas foram as vilas Cavaru e São Jorge (popularmente conhecida como vila São José), os conjuntos habitacionais Agostinho Caliman e Adolfo Davoli, além da região central (próximo ao Conjunto Esportivo Jubileu de Ouro) e Jardim Acapulco.

Os fortes ventos do final de semana danificaram casas e árvores em toda cidade.

“O número na cidade todo é impossível de ser precisado no momento, mas a Defesa Civil Municipal registrou até agora a queda de 20 árvores, principalmente no bosque do Jardim Acapulco. Oficialmente houve 17 notificações de casas atingidas, mas o levantamento ainda está em andamento”, diz a nota.

A Defesa Civil aponta ainda que não há famílias desabrigadas, mas que o número de casas atingidas pode aumentar até o final de semana.

As famílias atingidas pelas chuvas receberam alimentos, produtos de limpeza, em alguns casos lona para cobertura provisória das residências destelhadas (principalmente na vila Cavaru).

Desde segunda-feira, 22, a Defesa Civil Municipal faz um levantamento para o fornecimento de telhas e, se for o caso, do madeiramento para reparos nos telhados. A Secretaria de Promoção Social está em permanente contato com as famílias na assistência quanto a mantimentos.

Não houve famílias desabrigadas. Aquelas que momentaneamente saíram de suas casas devido ao destelhamento no sábado à noite foram acomodadas em residências de parentes e vizinhos. Apenas uma família teve os pertences deslocados para o Centro Comunitário “Antônio Rossi Morelli”, na avenida Brasil (vila Paraíso, região da vila Califórnia).

A Defesa Civil também informa que não houve interdições de residências nem por parte da Defesa Civil e nem por parte do Corpo de Bombeiros.

Prejuízo de R$ 50 mil

A estimativa inicial da Defesa Civil aponta que houve destelhamentos nos bairros e ainda em prédios e construções públicas em andamento como no Centro de Capacitação “José Leão Bicalho” (vila Cavaru), na obra de construção de 34 casas em área vizinha ao Conjunto Augusto Stofaletti (região da vila São Jorge), na obra da unidade do Programa Saúde da Família (PSF) da vila São Jorge, no Centro Comunitário “Spártaco Astolfi”, na vila São Jorge e ainda no Conjunto Esportivo Jubileu de Ouro, especificamente na Casa do Atleta, local de alojamento.

Os prejuízos preliminares estão estimados em R$ 50 mil. Também houve danos no Almoxarifado Municipal, na região do Conjunto Orlando Bergamaschi e queda de parte do muro do Cemitério Municipal.

A manutenção será iniciada na próxima semana, assim que o levantamento completo dos prejuízos for encerrado.

Quem quiser ajudar deve procurar o Serviço de Obras Sociais (SOS) e o Fundo Social de Solidariedade, na esquina rua 21 de Abril, 580. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (18) 3528-1090 ou (18) 3528-1125.

Crédito da foto: Alessandro Ferreira da Costa / Jornal Cidade Aberta
  • Nenhum registro encontrado
Dê sua opinião!

 

 

 
Carregando
 
 
 
 
 

Prefeitura de Osvaldo Cruz

Praça Hermínio Elorza, nº448, CEP: 17700-000 - Telefone: (18) 3528-9500

Todos os direitos reservados