Osvaldo Cruz, Sábado, 19 de Janeiro de 2019

Sua Opinião?

Qual o maior desafio da nova administração?

publicado em: 29/06/2011 às 00h58:

OC tem geada que prejudica pastagens e cafés novos

Lavouras de cana-de-açúcar não devem ser sacrificadas

Ocnet

Tamanho da letra A- A+

 
bf1f22de54fa3f8671f7c01a4cfee179.jpg

O frio chegou de vez ao centro-sul do Brasil neste começo de semana. O estado de São Paulo chegou a registrar temperaturas negativas e geada em praticamente todas as regiões.
 
Na região oeste de São Paulo as temperaturas mais baixas foram registradas em Rancharia – 2°C na madrugada desta terça-feira, 28. Em Osvaldo Cruz a temperatura na madrugada desta terça foi de 1°C, o que provocou a geada principalmente na zona rural. Os bairros rurais mais atingidos foram o Canguçu e o Valesburgo (foto).
 
Com isso, pecuaristas e agricultores contam os prejuízos principalmente em pastagens e novas lavouras de café.
 
O secretário de Agricultura e Meio Ambiente, José Monteiro Nabas, confirmou o impacto do frio nas lavouras locais e afirmou que ainda não era possível saber o prejuízo total causado pela geada até a manhã de quarta-feira, 29.
 
“A Alta Paulista fica num planalto entre dois rios e a situação e o impacto da geada foi bem parecido nas cidades de Parapuã, Osvaldo Cruz, Salmourão, Lucélia e Adamantina. Só em Sagres, pelas primeiras informações, é que a situação foi pior nas áreas mais baixas. Mas em geral as plantações de cana, por ser uma planta mais rústica e os cafés mais antigos resistiram bem à geada. O pasto e os cafés novos e hortaliças realmente foram os mais atingidos”, disse Monteiro Nabas.
 
A reportagem do Portal Ocnet ouviu o agricultor Luiz Francisco da Silva, que mora no bairro Perdido e confirmou os prejuízos na pastagem. “O gado não chegou a ser atingido diretamente, mas o pasto ficou com o gramado bem queimado. O café deu uma sapecada nas pontas, mas resistiu bem. Só que apenas daqui uns dias poderemos saber o prejuízo completo”, explicou .
 
Por que tanto frio?
 
O frio intenso desta semana foi provocado pela massa polar mais forte que entrou este ano Brasil, até o momento. Geou de forma generalizada no Sul do país, até com forte intensidade.
 
O centro desta massa polar, que é a região mais fria do sistema passou na terça-feira, 28, entre São Paulo e Santa Catarina e afastando-se do Brasil no decorrer da semana.
 

O aumento da nebulosidade começa a ocorrer já na noite de hoje. As nuvens vão funcionar como um cobertor, evitando o resfriamento excessivo do ar. Além disso, o centro da massa polar sai do Sul do Brasil, o que vai facilitar a elevação da temperatura.

Crédito da foto: Divulgação

  • Nenhum registro encontrado
Dê sua opinião!

 

 

 
Carregando
 
 
 
 
 

Prefeitura de Osvaldo Cruz

Praça Hermínio Elorza, nº448, CEP: 17700-000 - Telefone: (18) 3528-9500

Todos os direitos reservados