Osvaldo Cruz, Domingo, 18 de Agosto de 2019

Sua Opinião?

Qual o maior desafio da nova administração?

publicado em: 12/04/2019 às 09h37:

Circuito Sesc de Artes acontece em Osvaldo Cruz neste sábado na praça da matriz

Assessoria de Imprensa - Colaborou Assessoria de Imprensa do Sesc-SP

Tamanho da letra A- A+

 
79d542c5ab7090beb8b93af65cf582c9.jpeg

Com apoio da Prefeitura de Osvaldo Cruz e do Sindicato do Comércio Varejista (Sincomércio) e realização do Sesc-SP, o Circuito Sesc de Artes desembarca em Osvaldo Cruz neste sábado, 13 de abril.

A praça Lucas Nogueira Garcez, a praça da matriz, e a Avenida Brasil serão transformados em um grande polo de arte e cultura. Haverá atividades de música, literatura, artes visuais, cinema, circo e dança.

A programação é livre para todos os públicos e ocorre das 16h às 21h30, gratuitamente.

Atrações:

Imagine um cabaré onde, aparentemente, tudo pode acontecer, mas é o público quem decide a forma e conteúdo da apresentação. Essa é a proposta do Circo Democrático da Bélgica, apresentado pela Companhia Pol & Freddy, que com bom humor, aceita ou não essa votação democrática.

A música fica por conta da Dj Evelyn Cristina. Seu repertório vai do samba rock à eletrobossa, passando pelo maracatu e a música negra dos anos 1960 aos 2000.

O Fala Cidade! traz uma Oficina de Fanzines e Lambe-lambes. A intenção dos artistas é reunir técnicas de artes plásticas e poesia em uma espécie de sarau colaborativo, em que o público produz fanzines e lambe-lambes com poemas e ilustrações criados na praça.

Com a Câmera Fotográfica Gigante os participantes entram em uma câmera para conhecer o processo fotográfico por dentro, para observar a formação da imagem invertida e pensar novas maneiras de registrar fotos e vídeos. Essa experiência é oferecida pela Cidade Invertida.

Ainda tem brincadeira indígena similar à “cama de gato”, que inspira a mistura de dança, música e artes visuais do TraMar – Entre Trançados de Sons e Gestos.

Comandada pelo Coletivo Tramar, a instalação dos fios, feita na arquitetura e elementos da praça, cria o percurso dos movimentos.

No início do cinema, os filmes mudos eram acompanhados por músicos que executavam a trilha sonora ao vivo. Com o Cine Concerto: A Pantera-Cor-de-Rosa, Lise e Barulhista relembram essa época e tocam músicas clássicas do filme, enquanto acontece a exibição.

Além disso, o público curte uma boa música ao som do Quintal dos Prettos. Dez músicos relembram as famosas rodas de samba da década de 1980, quando surgiram nomes como Fundo de Quintal, Leci Brandão, Jorge Aragão, Zeca Pagodinho, Almir Guineto e Jovelina Pérola Negra.

  • Nenhum registro encontrado
Dê sua opinião!

 

 

 
Carregando
 
 
 
 
 

Prefeitura de Osvaldo Cruz

Praça Hermínio Elorza, nº448, CEP: 17700-000 - Telefone: (18) 3528-9500

Todos os direitos reservados