Osvaldo Cruz, Terça, 22 de Janeiro de 2019

Sua Opinião?

Qual o maior desafio da nova administração?

publicado em: 21/07/2010 às 10h52:

Faculdade Municipal promove inclusão social e acesso a nível superior

Polo presencial da Uniderp/Ananguera formou 29 alunos em 2009 e prevê formar mais 80 este ano

Giuliano Panvéchio (MTb.: 46.291/SP) - Assessoria de Imprensa

Tamanho da letra A- A+

 
9495c13fc46fee75326ad69aa2773e44.jpg

Em funcionamento desde 2007 e apresentando ótimos resultados à comunidade local, o Polo Presencial da Uniderp/Anhaguera e a Faculdade Municipal “Professora Wanda Bastos” mantida pela Prefeitura de Osvaldo Cruz já colhe bons frutos no aspecto de inclusão social.
 
Hoje o polo presencial conta com 370 alunos divididos em oito cursos (Serviço Social; Gestão em Ciências Contábeis; Gestão e Marketing de Pequenas e Médias Empresas; Pedagogia; Gestão em Serviços de Saúde; Gestão Hospitalar; Gestão em RH; Gestão Pública). Já se formaram através da faculdade municipal de Osvaldo Cruz 29 alunos do curso de Gestão e Marketing de Pequenas e Médias Empresas e este ano estão previstos mais 80 formandos nos cursos de Serviço Social, Gestão em Serviços de Saúde e Gestão e Marketing de Pequenas e Médias Empresas.
 
Com a proposta de oferta de cursos na modalidade de ensino à distância (EAD) através de cursos não só para o mercado de trabalho, mas também para contribuir com o desenvolvimento de Osvaldo Cruz e região, a Faculdade Municipal “Professora Wanda Bastos” tem cursos superiores com certificação pelo Ministério da Educação onde os alunos pagam pouco mais de R$ 50 mensais. O restante da mensalidade é custeado pela Prefeitura de Osvaldo Cruz, através da secretaria municipal de Educação.
 
A ajuda e o incentivo da parceria entre o município e a Universidade Anhanguera são decisivos para promoverem inclusão social e gerar empregos e renda a quem já se formou.
 
Conhecimento para novos negócios e empresas melhores administradas
 
É o caso do especialista em informática, Cláudio Grandis Ferreira. Agora formado em Gestão em Marketing pelo sistema EAD em 2009, Cláudio garante que hoje a realidade na administração do próprio negócio é diferente dos 20 anos anteriores em que lidou sozinho com a própria empresa. “Já percebi uma melhoria nos negócios e estimo que em curto prazo terei o retorno financeiro do meu investimento na faculdade”, disse Ferreira, ao mencionar que somente teve a oportunidade de concluir o curso superior em razão do baixo valor da mensalidade, pouco mais de R$ 50.
 
Também formado em Gestão e Marketing, Vanderlei Barbarroti pelo EAD em 2009, o ex-aluno destaca também o valor da mensalidade para que pudesse concluir o nível superior. “Eu era gerente de produção de uma empresa de confecções e em 2006 iniciei um pequeno negócio na área de lingeries. Com os conhecimentos que adquiri na faculdade ampliei meu negócio. Hoje me preparo para instalar minha empresa no conjunto comercial do Jardim das Bandeiras”, enfatizou otimista em relação ao sucesso do empreendimento.
 
Como é o método EAD
 
A forma como os alunos assistem aulas contempla dois momentos distintos. Num deles o acadêmico assiste e interage de maneira “on-line” e em tempo real com professores nas mais variadas disciplinas atreladas a cada curso ofertado.
 
Num segundo momento, o aluno realiza novas tarefas pedagógicas com o apoio de professores locais, todos com habilitação em suas áreas de atuação.
 

“Penso que esta é uma saída de sucesso para favorecer pessoas que não têm condições de pagar uma mensalidade comum. O ensino a distância favorece uma parcela da população com necessidade de educação porque estamos incluindo cidadãos na sociedade e isso é inclusão social, que é o grande diferencial”, disse o diretor do pólo em Osvaldo Cruz, Acácio Tolentino.

  • Nenhum registro encontrado
Dê sua opinião!

 

 

 
Carregando
 
 
 
 
 

Prefeitura de Osvaldo Cruz

Praça Hermínio Elorza, nº448, CEP: 17700-000 - Telefone: (18) 3528-9500

Todos os direitos reservados