Osvaldo Cruz, Terça, 17 de Setembro de 2019

Sua Opinião?

Qual o maior desafio da nova administração?

publicado em: 26/05/2011 às 14h41:

CDHU orienta mutuários sobre aquecedor solar

Orientações foram repassadas durante reunião para reta final de entrega das 102 casas

Daniel Torres (MTb.: 51.540/SP) - Assessoria de Imprensa

Tamanho da letra A- A+

 
64121c3f50cb4749e52f5d8f9488a98d.jpg

Os mutuários das 102 casas do conjunto habitacional “José Valter Seviero” (Osvaldo Cruz H) receberam na noite desta quarta-feira, 25, orientações sobre a utilização dos aquecedores solares instalados nas unidades habitacionais que serão entregues no mês de junho.
 
A reunião foi convocada pelo departamento de Habitação da Prefeitura de Osvaldo Cruz e é uma exigência da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) no cumprimento do cronograma que antecede a entrega do conjunto aos novos moradores.
 
“Esta reunião tem o objetivo de esclarecer aos mutuários o uso dos aquecedores solares. É uma reunião que faz parte do processo de habilitação das casas, exigido pela CDHU e estamos fazendo porque já está próxima a data de entrega”, explicou a técnica social responsável pelo conjunto habitacional, Daniela Verri.
 
As pessoas que não compareceram ao encontro receberão orientações individuais. Para isso, é necessário que elas procurem o departamento de Promoção Social no período da tarde.
 
Para Pablo Elias de Carvalho, contemplado com uma das moradias do novo bairro, a expectativa para receber a casa própria é grande. “Sou casado e a gente mora no fundo da casa da minha sogra. Ficamos bastante contentes porque se Deus quiser [a casa] vai sair agora”, exclamou.
 
Entrega
 
Durante a reunião os mutuários questionaram sobre a data da entrega das casas, prevista para junho.
 
A informação é que a entrega do conjunto habitacional se dará durante a visita oficial do governador Geraldo Alckmin ao município no mês das comemorações dos 70 anos de Osvaldo Cruz.
 
A data depende apenas de confirmação da agenda do governador, expedida pelo Palácio dos Bandeirantes.
 
“As obras de infraestrutura, pavimentação asfáltica, instalações da rede de energia pública, rede de galerias e muros de arrimo têm previsão de término para até o final do mês de maio”, relatou Marcos Garcia, representante do consórcio CNEC/Enger, grupo terceirizado para fiscalização de obras da CDHU.
 
Garcia informou ainda que os serviços de implantação de calçada ecológica, plantio de grama e árvore, parte dos muros de arrimo e a instalação completa dos aquecedores solares serão finalizados num prazo de até 60 dias, mesmo com os novos moradores nas casas.
 
Atraso
 
O conjunto está com obras atrasadas há aproximadamente três anos, depois que o Ministério Público interveio em função da empreiteira e a administração anterior da cidade terem sido apontadas como responsáveis pelo emprego de itens abaixo dos padrões de qualidade determinados pela licitação da obra. A paralisação se deu em 2007 e a obra só foi retomada em 2009.
 
“Também houve atraso com relação às chuvas, período em que não foi possível adiantar a parte de galerias, de guias de sarjeta, pavimentação, houve realmente um certo atraso”, admitiu o secretário municipal de Obras , Edson Yoshimitu Sugawara.
 
Compensação
 

Como compensação às famílias contempladas com residências no Conjunto Habitacional “José Valter Seviero” devido ao atraso das obras, a CDHU apresentou que outros itens foram acrescentados ao projeto original, como aquecedores solares, azulejos em banheiro e sanitários e infraestrutura completa de água, galerias, esgoto, energia elétrica, asfalto e, quando necessário, muros de arrimo.

  • Nenhum registro encontrado
Dê sua opinião!

 

 

 
Carregando
 
 
 
 
 

Prefeitura de Osvaldo Cruz

Praça Hermínio Elorza, nº448, CEP: 17700-000 - Telefone: (18) 3528-9500

Todos os direitos reservados